Cerol fino

Mortes no Fim do Mundo

14/01/12 01:40
atualizado em 14/01/2012 01:41

Policiais do Bope fazem operação em localidade de Acari e botam dois na horizontal

Agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) fizeram operação até no Fim do Mundo, localidade na Favela de Acari, e trocaram tiros com traficantes. Dois suspeitos morreram no confronto. Policiais do Batalhão de Choque (BPChoque) também apoiaram a ação na comunidade.

Os dois suspeitos estavam carregando um revólver calibre 38, uma granada, um radiotransmissor. Além disso, os policiais encontraram 10 motos, 23 caça-níqueis, 15 kg de maconha, uma escopeta calibre 12, uma pistola calibre 45 e um revólver calibre 22. Um carro também foi recuperado.

Cidade Alerta

Já na Favela do Rola, em Santa Cruz, outro acusado de integrar o comércio de drogas, identificado apenas pelo vulgo ‘Cidade Alerta', foi morto após disparar contra os policiais. De acordo com a PM, ele carregava uma pistola Taurus 9 mm, 299 invólucros de zirrê - mistura de crack e maconha -, 268 pedras de crack, 126 trouxinhas de maconha, 19 papelotes de pó e um radiotransmissor. A PM ainda encontrou 15 quilos de maconha em tabletes.

Após a morte do traficante na Favela do Rola, bandidos teriam ordenado o fechamento de todo o comércio ao longo da Avenida Cesário de Melo. Porém, segundo o comandante do 27º BPM (Santa Cruz), tenente-coronel Friederik Bassani, viaturas do batalhão percorram a via e não encontraram nenhum estabelecimento fechado: "Estamos sufocando o tráfico e, com certeza, os marginais estão se sentido ameaçados", ressalta o oficial.

‘Gerente' roda no Muquiço

Na Favela do Muquiço, em Deodoro, José Valério Alves, 27 anos, o Gordinho, foi preso acusado de ser o gerente do comércio de drogas no local. Ele estava dormindo em casa quando foi surpreendido por agentes do Serviço Reservado (P-2) do 9º BPM (Rocha Miranda). Os policiais apreenderam 500 papelotes de cocaína e 200 trouxinhas de maconha com Gordinho.

Na favela da Cobal, em Manguinhos, dois homens acusados de tráfico foram presos. Com um dos suspeitos foram encontrados 319 pedras de crack, 59 bolas de haxixe, 210 trouxinhas de maconha, 165 papelotes de cocaína e dois radiotransmissores.

Já com outro, a PM achou uma pistola calibre 40 de uso exclusivo para policiais.

 



© Copyright Editora O DIA S.A. - Para reprodução deste conteúdo, contate a Agência O DIA.